Receba nossas newsletters:

UM CANAL COM MATÉRIAS E CONTEÚDOS
EXCLUSIVOS SOBRE O MUNDO CORPORATIVO.
PARA CONSTRUIR A SUA LIDERANÇA.

Compartilhe:
icone facebook icone e-mail
Leia isso agora. Estou mandando.
PUBLICADO EM: quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015
SECRETARIADO

LEIA ISSO AGORA. ESTOU MANDANDO.

Hoje temos aqui no blog uma entrevista com a professora Stefi Maerker, da Integração Escola de Negócios. Ela vai falar sobre um assunto que quase todo profissional tem que enfrentar: o chefe. Então vamos lá, porque você precisa voltar logo ao trabalho, não é? 

Blog: " Na sua opinião, professora Stefi, como seria a relação ideal entre um líder e seus subordinados nos dias de hoje? Essa relação mudou muito nas últimas décadas?"

Stefi: " A relação mudou sim, e para melhor. O que antigamente se aceitava como líder era uma chefia competente que sabia o que queria, mas que apenas mandava. Hoje as coisas mudaram tanto que o ambiente de trabalho é totalmente diferente.

Um líder só é líder porque inspira as pessoas a darem o melhor de si, a irem além do esperado. Uma relação ideal só acontece quando os colaboradores admiram seus chefes. É isto que faz com eles queiram crescer e ter o melhor desempenho possível."

Blog: " O verdadeiro líder não impõe seu poder, conquista os seus liderados. Você concorda com isso? "

Stefi: " Claro, como já disse acima. Além disso, o líder tem uma visão, um sonho, uma meta que ele compartilha com os colaboradores. Os quais são parte integrante da realização dessa meta. É assim que as pessoas se envolvem e se sentem parte da empresa, do objetivo, da meta."

 Blog: " Ainda há espaço nas empresas para o 'medo do chefe', professora? ".

Stefi: " Particularmente não gosto desta expressão. Não acho que 'medo do chefe' resolva alguma coisa. Fazer ou deixar de fazer por medo é atraso de vida no meu ponto de vista. Ter medo é saber que algo está errado e não ter a coragem de corrigi-lo, encará-lo, enfim, resolver a questão. Não quero que as pessoas tenham medo de mim mas quero que me respeitem e farei tudo para que o façam. É o tipo de pensamento que tenho."

Blog: " Para finalizar, quais as suas dicas para um profissional lidar com um chefe difícil? "

Stefi: " A primeira dica é: entender as pessoas como elas são e não querer que elas mudem. As únicas pessoas que podem mudar somos nós, os outros vão mudar só se eles quiserem. Por isso, não faça críticas ou fique reclamando pelo escritório. Se a situação ficar muito difícil, caia fora.

Pense à frente do seu chefe e tente entregar o que ele espera. Não faça surpresas e, principalmente, não demore.  Pessoas 'difíceis' normalmente não tem paciência e querem tudo para ontem.

A última sugestão que faço é: não permita que alguém o force a fazer alguma coisa que você não queira. Não se deixe desrespeitar. Ninguém merece isto. Lute pelo seu reconhecimento e seja o melhor no que faz. É isso que importa."

Blog: " Muito obrigado, professora Stefi."

Stefi: " Foi um prazer. Conte comigo sempre que precisar."

                                                                                                  

SAIBA MAIS

A professora Stefi Maerker ministra diversos cursos na Integração.

Confira aqui os programas e datas dos cursos.

Comentários: