Receba nossas newsletters:

UM CANAL COM MATÉRIAS E CONTEÚDOS
EXCLUSIVOS SOBRE O MUNDO CORPORATIVO.
PARA CONSTRUIR A SUA LIDERANÇA.

Compartilhe:
icone facebook icone e-mail
Vem aí o Segundo S Talks: Encontro de Profissionais de Secretariado e Assessoria Executiva
PUBLICADO EM: quinta-feira, 29 de agosto de 2019
SECRETARIADO

VEM AÍ O SEGUNDO S TALKS: ENCONTRO DE PROFISSIONAIS DE SECRETARIADO E ASSESSORIA EXECUTIVA

Em 30 de setembro, celebra-se o Dia Nacional e Internacional do Profissional de Secretariado. Como parte da comemoração da data, a Integração promove, no dia 25, o 2º S Talks - Encontro de Profissionais de Secretariado e Assessoria Executiva. Para saber detalhes do evento, conversamos com Edson Herrero, head da Escola de Secretariado e do Assessment Center da Integração.  

Edson, conte-nos sobre o formato do S Talks e qual é o objetivo do encontro.

O S Talks vai reunir profissionais de secretariado e assessoria executiva para refletir sobre o papel que eles desempenham nas organizações, pensar sobre as novas competências exigidas (deles) e as possibilidades da carreira. Para isso, desenhamos o S Talks com um formato que não se prende a palestras. Vamos estimular uma grande roda de conversa e muita mão na massa para que todos possam entender o cenário de trabalho de secretários e assessores executivos e o que os aguarda no futuro. Será um dia dedicado a isso. Pela manhã teremos as discussões no formato de World Café, que é um processo participativo que estimula a capacidade de trabalhar a diversidade e a complexidade do grupo presente. Na segunda parte do dia, haverá um jogo e será o momento de concretizar o que foi elaborado no início do encontro. O S Talks foi, portanto, preparado para ser bastante dinâmico para que os profissionais saiam daqui com a certeza de que conseguiram compreender melhor o novo papel do secretariado e também contribuíram de maneira ativa com insights sobre esse cenário. 

Você pode falar sobre alguns temas que serão abordados?

O S Talks vai tratar de alguns assuntos que consideramos imprescindíveis para o desenvolvimento de qualquer profissional: CNV - Comunicação não Violenta, Resiliência, Ética e Confidencialidade no Trabalho e Inteligência Emocional. Como eu disse, será um dia bastante dinâmico. Durante o World Café, os participantes serão divididos em times e haverá um administrador para cada grupo, mas todos vão rodar pelas mesas. Os facilitadores farão a mediação e, ao final, vamos juntar todas as informações para escrever, a várias mãos, as competências por trás de cada tópico abordado. Dessa forma, vamos induzir uma discussão sobre o papel do profissional de secretariado e o futuro dessa função. Acreditamos também que os secretários e assessores executivos presentes vão conseguir avaliar quais competências precisam desenvolver para desempenhar melhor seu trabalho. 

Qual será o jogo na segunda parte do dia aplicado na edição deste ano?

A Conquistar, que estará mais uma vez conosco, aplicará o Beat the Box. É um jogo que leva os participantes a utilizar e combinar suas diferentes competências para encontrar soluções criativas e decifrar um código. É um jogo bem divertido e dinâmico. Trabalho em equipe e colaboração são essenciais para desvendar o Beat the Box. Acreditamos que será uma excelente atividade, pois vai concretizar o que for elaborado na primeira parte.

Você mencionou o novo papel do profissional de secretariado. Descreva o que mudou na rotina de secretários e assessores executivos nos últimos tempos.

O escopo do trabalho desses profissionais mudou. Antes, era comum haver uma secretária atrelada a um único executivo que cuidava da agenda dele na empresa, mas sem se restringir a isso. Ela também administrava assuntos pessoais do executivo, como questões dos filhos na escola, horário de médico ou dentista, pagamento de contas particulares etc. Isso ainda ocorre em algumas organizações, mas um processo de modernização tem levado, cada vez mais, empresas a formar um pool de secretariado. Dessa forma, secretários e assessores executivos deixam de ocupar um local isolado ao lado de um diretor ou gerente e são agrupados em um espaço com a função de atender às várias lideranças de acordo com a demanda que chega. Com isso, não ficam mais atrelados a um único executivo e focam em solicitações que são exclusivamente relacionadas ao trabalho. 

Essa mudança de escopo e também espacial teve reflexos nas competências exigidas de secretários e assessores executivos? 

Sim, porque eles têm de entregar mais e melhores resultados e ter jogo de cintura para atender diferentes níveis hierárquicos na empresa, desde gerentes até o CEO. Precisam ser multidisciplinares e ter capacidade para tomar pequenas decisões, participar ativamente de reuniões e se relacionar com uma gama maior de colegas na empresa. Assim, as competências exigidas deles não divergem daquelas cobradas de qualquer profissional no mundo corporativo. São competências de relacionamento, mobilidade, capacidade de realização, comunicação, resultado, gestão do tempo e até liderança. A própria estrutura do pool de secretariado favorece um grande aprendizado, já que os secretários e assessores executivos atendem uma diversidade de estilos e níveis hierárquicos de líderes. No S Talks vamos discutir todos esses aspectos e mostrar como o profissional de secretariado, nos dias atuais, ocupa uma posição estratégica para a empresa. 

 

Para falar a sua inscrição no S Talks, fale com nossa Equipe de Relacionamento: (11) 3046-7878 e atendimento@gmail.com.

 

Leia mais 

Baixe o e-book e saiba como foi o 1º S Talks

Entenda mais sobre o novo perfil do secretariado

Veja como o profissional de secretariado atua como gestor de resultados


 

Comentários: